RESUMÃO SEMANA 4 DA NFL

RESUMÃO SEMANA 4 DA NFL

A semana 4 da NFL acabou e tivemos situações para lamentar. E isso se resume ao departamento médico! Com destaque para Derek Carr e nosso mozão Cairo Santos – que inclusive, foi dispensado do Kansas City Chiefs, gerando um fervor entre os brasileiros.

Mas, nem só de tristezas viveu a semana 4. Torcedores dos Jets, Rams e Bills, por exemplo, tiveram um domingo sensacional e de muita empolgação. Vamos ver o que rolou em alguns jogos de mais uma surpreendente semana da NFL.

Chicago Bears x Green Bay Packers 

“Clássico é clássico e vice-versa”. Ditado que se encaixa perfeitamente na NFL também, pelo menos, com esses dois times. O problema é que no clássico que abriu a semana 4 da NFL, tivemos praticamente só um time jogando.

Os Packers fizeram o que queriam na partida, aproveitando os turnovers do adversário, que foram muitos. Mike Glennon está na lista negra dos torcedores dos Bears, com várias interceptações, sacks e fumbles na partida, espalhando a farofa geral. E para não dizer que os Bears não fizeram nada, no fim do primeiro quarto eles conseguiram aparecer um pouco mais no jogo. Mas não o suficiente para intimidar os donos da casa, principalmente o senhor das Hail Maries, Aaron Rodgers.

Com uma boa administração do tempo, aproveitando as oportunidades e jogando tranquilamente, os Packers venceram a partida por 14×35. Assim, eles passaram à frente no histórico de vitórias do clássico, o que não acontecia desde 1932!

Carolina Panthers x New England Patriots 

Para termos uma noção de como essa temporada está muito mais legal e competitiva, não temos aquela supremacia dos Patriots, como estamos acostumados. Vimos o time perder em casa (de novo), algo não muito comum.

E não adiantou muito o QB Tom Brady fazer mágicas, porque os Panthers estavam fazendo as suas com o ataque e a defesa. Cam Newton conseguiu driblar a defesa do time da casa, e administrar bem os seus trunfos. Mais para o fim do jogo, os Patriots tiveram um pontinho de esperança, ao empatar a partida em 30×30, em uma ótima campanha do ataque. Porém, os Panthers conseguiram um field goal no final para vencer a partida em Foxborough, por 33×30.

Alguns números bacanas: o QB Cam Newton fez seu touchdown de número 50 na carreira; e o Kicker  Stephen Gostkowski acertou um chute de 58 jardas, o mais longo de sua carreira – e dos Patriots também.

 

Oakland Raiders x Denver Broncos

Aqui começamos com uma notícia triste: Derek Carr na injury reserve. Faz tempo que ele, em particular, anda irreconhecível, mas ninguém esperava uma lesão logo agora.

Ambas as defesas foram sensacionais, mas uma uniu a sua maravilha com um bom ataque, e essa foi a dos Broncos. O jogo terrestre do time da casa foi também um dos trunfos utilizados e muito bem aproveitados na vitória.

A equipe de Oakland acordou no fim do primeiro tempo, com uma big play de Derek Carr, que levantou a equipe. Até então, tínhamos uma partida equilibrada, mas ao mesmo tempo difícil para os Raiders. Com a lesão de Carr, tudo ficou ainda pior. O QB reserva, EJ Manuel jogou bem, mas não o suficiente para furar a defesa adversária, acabando tudo em 10×16.

Indianapolis Colts x Seattle Seahawks

Mais uma partida em que a defesa fez e muito o papel principal na vitória da equipe. Com um início de temporada questionável, a defesa do Seattle Seahawks fez o dever de casa e ajudou a garantir a vitória em cima dos Colts.

Apesar da franquia de Indianapolis começar vencendo, inclusive fazendo (mais) um safety no QB Russel Wilson, os Seahawks dominaram o restante do jogo. A defesa jogou muito, forçando turnovers, convertendo em touchdowns e o ataque também produziu bem. O CB Justin Coleman fez um bonito touchdown de retorno de interceptação, mostrando que a “Legion of Boom” está voltando ao normal. Tudo acabou em 18×46, encerrando o domingo da semana 4 da NFL.

Washington Redskins x Kansas City Chiefs

Para fechar a semana 4 da NFL com chave de ouro, Chiefs e Redskins fizeram o que chamamos de jogão! Foi emocionante até o fim, fazendo valer a pena algumas horas de sono perdidas.

Os dois quarterbacks estavam on fire, fazendo com que as duas defesas também fizessem um bonito duelo. Os Redskins começaram com vantagem, com um belo passe de Kirk Cousins para Terrele Pryor e logo depois, um field goal de 19 jardas do K Dustin Hopkins.

Os Chiefs se animaram e Alex Smith mostrou o porquê de ser um dos melhores (senão o melhor) quarterback da temporada até então. Foram bonitos passes e corridas, conseguindo alcançar o adversário no placar. E, ainda, só não empatou antes porque o kicker novato Harrison Butker (que está no lugar do Cairo) acabou errando um field goal.

Até o fim foi um espetáculo em ambos os lados, tanto que seguiu empatado até o último quarto, disputadíssimo. Os Chiefs sacramentaram a vitória com um chute de 43 jardas de Butker e mais um touchdown – resultado de um fumble recuperado por Justin Houston na última descida do jogo, com o cronômetro já zerado. A partida emocionante acabou em 20×29, com os Chiefs invicto.

 

Para saber mais notícias das rodadas e tudo o que acontece na NFL, acompanhe nossas redes sociais.

Enjoy <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *