POLÊMICA! JOGADORES RECEBEM PARA MACHUCAREM ADVERSÁRIOS?

POLÊMICA! JOGADORES RECEBEM PARA MACHUCAREM ADVERSÁRIOS?

A declaração do ex OL do Vikings, Artis Hicks, para Jeff Pearlman, autor da nova biografia de Brett Favre deu o que falar. Segundo o jogador, a franquia de Minnesota estaria recompensando em dinheiro os jogadores que machucassem adversários durante os jogos. “Era parte da cultura. Eu tive treinadores que pagavam um extra de US$ 100 ou US$ 200. Se você machucasse alguém em especial, você receberia o dinheiro. Todos nós éramos comprados com o seguinte pensamento: Você está lá para ganhar. Se tirar o melhor jogador do outro time, ajuda na vitória. Ei, não é nada pessoal. Apenas negócios.” disse Hicks no trecho de um livro.

Este tipo de recompensa não é novidade na liga. A NFL já havia investigado a equipe do New Orleans Saints, ação que ficou conhecida como “Bountygate“. O episódio mais conhecido foi o jogo da NFC Championship entre Saints x Vikings (2009), em que os jogadores e comissão técnica da equipe de Minnesota acusaram Bobby McCray (DE) e Remi Ayodele (DT) de machucarem o QB Brett Favre, que saiu do jogo com uma lesão no tornozelo, após o contato excessivo. Mais tarde, o colunista Clark Judge da CBS Sports afirmou que vários assistentes dos Vikings acreditavam que os jogadores dos Saints estavam agindo sob ordens do HC. Estes jogadores da DL do time de New Orleans não foram punidos na partida e a mesma equipe levou o Super Bowl naquele ano.

Saiba mais: NFL says Saints created ‘bounty’ program from 2009 to 2011

E você, acredita que Head Coaches são capazes de pedir isso aos seus atletas? Conta para a gente nas nossas redes sociais.

Enjoy <3

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *