OS HEAD COACHES DA NFC SOUTH

OS HEAD COACHES DA NFC SOUTH

Uma das estrelas de um time, sem dúvidas é o Head Coach. Como treinador principal de uma equipe, ele é peça fundamental para qualquer ação, jogada ou decisão que precisa ser tomada. Na história da NFL, muitos Head Coaches se destacaram, levando seus times à vitórias impressionantes. Outros, tiveram suas carreiras prejudicadas por não conseguirem alavancar suas equipes.

Por isso, selecionamentos os atuais Head Coaches da NFC South para saber mais suas histórias! Vamos nessa?

Atlanta Falcons: Dan Quinn, começo avassalador

Daniel Patrick Quinn, nascido em Morristown, Nova Jersey, era o caçula de uma grande família e desde cedo praticava esportes, sendo capitão de times da Salisbury University. Apesar de não querer ter uma carreira de atleta, Quinn era fã do New York Giants e acabou por seguir aquilo que estava destinado a fazer.

Sua carreira na NFL começou quando Steve Mariucci, Head Coach do 49ers em 2001, o chamou para Coordenador Defensivo. Em seguida, trabalhou no Dolphins de 2005 e 2006 na mesma posição. Por lá, a dedicação e o aprendizado o levou ao Jets em 2007 e 2008. Somente nos anos seguintes, Quinn conquistou o cargo de assistente de Head Coah no Seahawks e ajudou na criação de uma defesa espetacular – que deu as caras na NFL pouco tempo depois.

Quinn ainda retornou para o College em 2011 e 2012, mas o seu ótimo comando garantiu a volta ao Seahawks e a consolidação na NFL.

Head Coahes da NFC South
Foto: Sporting News

Como Coordenador Defensivo na liga, em 2013 ele liderou em pontos e jardas cedidas, além de turnovers forçados. No ano seguinte, enfrentou o jogo inesquecível com o New England Patriots e teve seu reconhecimento para se tornar Head Coach.

Em fevereiro de 2015, Quinn se tornou o 16° Head Coach da história do Atlanta Falcons e em sua primeira temporada no comando, o HC levou o time a um início de 5-0, tornando-se o primeiro treinador da história da franquia a começar sua carreira com cinco vitórias consecutivas.

Atualmente, o Falcons se mostra um time mais preparado e bem estruturado, comandado por Dan Quinn, um dos head coaches da NFC South.

Carolina Panthers: Ron Rivera, uma lenda

Nascido em Fort Ord, na Califórnia, em 1962, Ron foi jogador na NFL como LB no Chicago Bears, de 1984 até 1992. Ainda participou do título do Super Bowl XX, mas antes de ser técnico principal de uma grande franquia, Ron Rivera trabalho no Bears, no Eagles e no Charges, sendo este último de 2007 a 2010, como coordenador ou assistente de defesa.

Com o tempo, houve especulações de contratação até mesmo no Cowboys e Steelers, mas somente em 2011, Ron se tornou Head Coah do Carolina Panthers.

Head Coahes da NFC South
Foto: USA TODAY Sports

Suas primeiras temporadas por lá não foram nada bem, com campanhas de 6-10 e uma de 7-9. Muitos falaram sobre demissão, até que o HC resolveu trocar seu estilo de comando em 2013 e conseguiu oito vitórias consecutivas. Neste mesmo ano, foi considerado o técnico do ano.

Em 2015, o Panthers conquistou seu terceiro título consecutivo na NFC South e ganhou o segundo Campeonato da NFC na história da franquia, além de aparacerem no Super Bowl 50.

Conhecido na liga como professor com uma habilidade inata para construir sua equipe em torno dos pontos fortes de seus jogadores, a torcida espera voltar ao topo da NFL e, quem sabe, com mais uma ida ao SuperBowl.

Tampa Bay Buccaneers: Dirk Koetter, FA na veia

Dirk Koetter cresceu em Pocatello, Idaho, e é filho de um treinador de futebol. Portanto, o FA sempre esteve bastante presente em sua vida. Na Idaho State University foi jogador até 1982.

No ano seguinte, conseguiu ser treinador da Highland High School por dois anos, antes de se tornar técnico assistente em tempo integral na faculdade.

Head Coahes da NFC South
Foto: buccaneers.com

Em 1985, se tornou Coordenador Ofensivo na San Francisco State University e em 1986, ficou à frente na UTEP. Passou também por outras diversas universidades até chegar à NFL.

Apenas em 2007, Koetter aceitou o cargo de Coordenador Ofensivo do Jaguars, por onde permaneceu até 2011. Seus primeiros anos na NFL não foram ruins, conquistando para o time um recorde de 11-5.

No mesmo cargo, o HC também passou pelo Falcons, de 2012 a 2014. E só então foi contratado pelo Buccaneers, em 2015, se tornando Head Coach do time de Tampa Bay. Dirk Koetter foi nomeado o 11º treinador principal na história da franquia!

New Orleans Saints: Sean Payton, um caminho vitorioso

Patrick Sean Payton, nascido em 1963, na Califórnia, é ex-jogador. Payton era um quarterback na Naperville Central High School e desde cedo jogava profissionalmente. Teve um início de carreira bastante movimentado. Dividiu-se entre trabalhar em uma indústria de seguros, jogar e conquistar uma bolsa para ter uma carreira bem sucedida.

Chamou atenção do Kansas City Chiefs, mas acabou jogando em outras franquias, como o Chicago Bears, em 1987. Em 3 jogos, ele completou 8 de 23 passes para 79 jardas.

Head Coahes da NFC South
Foto: Sporting News

A carreira como um dos Head Coaches da NFC South só teve início em 1988, como assistente ofensivo na Universidade Estadual de San Diego. Passou por outros diversos cargos em universidades como Indiana State, Miami, Illinois e novamente San Diego. Foi somente em 1997 que Sean conseguiu um contrato com o Eagles de um ano. Em 1999 foi para o Giants como coordenador ofensivo. Nesse período, teve a fama de caladão e de se esconder no estádio enquanto estudava os times. Mesmo assim, não teve uma boa atuação e era bastante pressionado.

A salvação veio pelo Cowboys, em 2003, como assistente de Head Coach. Mas em 2006, Sean recebeu a proposta oficial para se tornar um dos head coaches da NFC South, em New Orleans Saints. Em uma equipe com Drew Brees, o HC levou o Saints a cinco playoffs, três títulos da divisão e uma vitória de 31-17 sobre o Colts no Super Bowl XLIV.

Atualmente, Payton tem um histórico geral de 93-61 e é considerado um dos HC mais bem sucedidos da NFL.

Fontes: www.nfl.com, espn.comprofootballtalk.nbcsports.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *