O NÔMADE DA NFL

O NÔMADE DA NFL

Vários jogadores ficam conhecidos ao longo de sua carreira por jogar por apenas um, no máximo dois times, o que não é o caso do personagem desta matéria, que está indo para o seu SÉTIMO time, em 13 anos de carreira.

Estamos falando de Ryan Fitzpatrick, que acaba de assinar um contrato com o Tampa Bay Buccaneers, para ser o reserva de Jameis Winston.

Fizpatrick vem do seu pior ano como QB do New York Jets, onde foi o pior da posição em toda a liga com a proporção de 12 touchdowns para 17 interceptações (sendo que 6 foram em um jogo só), e das 11 partidas em que foi titular, ele teve o recorde 3-8. Ele continuou no Jets após um prolífico ano em 2015, quando ele teve 31 touchdowns para 15 interceptações e uma campanha com 10 vitórias, que lhe deram a vantagem de negociar mais um ano de contrato pelo valor de US$ 10 milhões de dólares, o que não se provou valoroso, já que ele foi substituído por Geno Smith e Bryce Petty.

Em 12 anos de carreira, ele vai para o seu sétimo time. Ele foi draftado pelo Saint Louis Rams na 7ª rodada de 2005, como calouro, ele foi titular por 3 partidas e perdeu todas. Após 2 anos no Rams, ele seguiu para o Cincinnati Bengals para ser reserva de Carson Palmer, onde ficou por mais 2 anos.

Como backup de Palmer, ele atuou em 12 jogos de forma sólida, que chamaram a atenção do Buffalo Bills, que em 2009 ofereceu ao QB vindo de Harvard um contrato de 6 anos com uma extensão de US$ 60 milhões em 2011, mas ele acabou sendo dispensado 18 meses depois.

Ele ainda passou pelo Tennessee Titans em 2013 e pelo Houston Texans em 2014 com certo sucesso, mas foi no Jets que ele teve um time com uma campanha positiva, chegando perto dos playoffs, porém um jogo na semana 17 com 3 interceptações evitou o retorno do time à pós temporada.

Suas atuações irregulares lhe renderam 2 apelidos que surgem conforme a “qualidade” da fase em que ele se encontra: FitzMagic e FitzTragic.

Agora ele chega ao Buccaneers para trazer experiência e um pouco de liderança a um vestiário jovem e com vontade de vencer. A torcida espera que Jameis Winston não se lesione, mas caso isso aconteça, a esperança é que o QB FitzMagic entre em campo, não o FitzTragic.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *