JOSH BROW É DEMITIDO DO NEW YORK GIANTS

JOSH BROW É DEMITIDO DO NEW YORK GIANTS

Josh Brown foi notícia semana passada. Para quem tem o aplicativo da NFL instalado no celular, a suspensão do kicker do New York Giants apareceu na tela do smartfone na quarta de manhã, 19 de outubro. O motivo: violência doméstica confesso.

E hoje, 25 de Outubro, a tela acendeu novamente para informar que ele foi demitido pelo time.

Vamos ao histórico.

Prestes a começar a temporada desse ano, o kicker do New York Giants foi suspenso por uma partida, por ter violado a Política de Conduta Pessoal da liga devido a uma acusação de violência doméstica. Dessa forma, ficou de fora do jogo de estréia, contra o Dallas Cowboys.

À época, Brown se disse contrariado à decisão:

“Apesar de eu não concordar com a suspensão, vou aceitá-la. Eu esgotei o processo de apelação e não tenho outras opções ao longo destas linhas. Vou continuar a trabalhar duro por esta equipe e eu tenho enorme confiança em meus companheiros de equipe e na minha capacidade de seguir em frente e contribuir com a equipe”.

O head coach do Giants, Ben McAdoo, apoiou o jogador na ocasião:

“Temos sido solidários com Josh e continuaremos a ser, mas aceitamos a decisão da liga”

Acontece, que a Política de Conduta Pessoal envolvendo violência doméstica prevê seis jogos de suspensão e não um, como aplicado para esse jogador. A NFL justificou a penalização branda pela falta de provas no caso. No entanto, no meio da última semana, o caso envolvendo o atleta voltou à tona quando um jornalista americano teve acesso a documentos que continham a confissão do jogador sobre uma série de abusos que ele praticou contra a esposa, e mais, que a NFL e a franquia de Nova York tinham conhecimento de tais fatos. O processo estava sendo ignorado pela polícia local.

Não restou outra alternativa para a liga, além de suspender o kicker por tempo indeterminado. A demora em tomar uma medida efetiva não agradou alguns jogadores e a mídia em geral. A sensação era da história estar se repetindo e a lição não ter sido aprendida. A referência era a Ray Rice, ex Running Back do Baltimore Ravens.

O RB do Ravens foi acusado em 2014 de violência doméstica contra a então noiva. A NFL suspendeu Rice por duas semanas. Os torcedores começaram a questionar a punição branda aplicada e críticas severas foram levantadas sobre a política de combate à violência doméstica pela liga. Foi então que o vídeo em que o jogador aparece agredindo a noiva foi divulgado. Eram as imagens da câmera de segurança de um elevador, em que o atleta aparece batendo na mulher. A NFL alegou não ter conhecimento do referido vídeo, disse apenas ter tido acesso às imagens gravadas pelas câmeras do corredor, quando Ray Rice arrasta a noiva desacordada.

O time dispensou o jogador e a liga o puniu com uma suspensão vitalícia. Algo parecido deve acontecer a Josh Brown. Hoje ele foi oficialmente desligado do time e em breve a NFL deve se pronunciar quanto ao parecer efetivo sobre a situação.

Quanto às suspensões, mesmo que tardias, a sensação que fica é: antes tarde do que mais tarde, mas o incômodo fica pela necessidade da pressão popular para que as franquias e a própria National Football League tomem alguma atitude coerente ao peso da contravenção desses jogadores.

É impensável que enquanto comemorações coreografadas foram seriamente punidas durante as partidas, jogadores que cometeram violência doméstica recebam uma, duas semanas de punição apenas. A alegação de não ter provas suficientes tem se mostrado infundada, até agora.

Portanto, o que se espera é que crimes sejam tratados como tais, que as questões comerciais não ultrapassem as legais e que a NFL seja um exemplo real para as crianças e não fique só na tentativa.
<3

One thought on “JOSH BROW É DEMITIDO DO NEW YORK GIANTS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *