CORTEZ KENNEDY, ÍDOLO DO SEATTLE SEAHAWKS, MORRE AOS 48 ANOS

CORTEZ KENNEDY, ÍDOLO DO SEATTLE SEAHAWKS, MORRE AOS 48 ANOS

Cortez Kennedy, 48, DT e ídolo do Seattle Seahawks, foi encontrado morto em Orlando, Flórida, na última terça-feira, dia 23. A causa da morte ainda é desconhecida, porém um porta-voz do Departamento de Polícia de Orlando afirmou que o caso ainda está sob investigação, sem que, até o momento, haja algo suspeito.

Terceira escolha geral do NFL Draft de 1990 pelo Seahawks, o DT contabilizou 167 partidas ao longo de 11 temporadas, não tendo perdido um único jogo até seu oitavo ano na Liga. Cortez Kennedy tem como feitos a marca de 58 sacks e 448 tackles na carreira, além de ter sido selecionado cinco vezes para o All-Pro e oito vezes para o Pro Bowl, sendo ainda reconhecido como Defensive Player of the Year em 1992.

Cortez Kennedy’s Hall of Fame Career Remembered | NFL Films

Former Seattle Seahawks DT and 2012 NFL Hall of Fame inductee Cortez Kennedy was a menace on the field racking up 568 tackles and 58 sacks, including 14 in 1992, in his 10 year career. Subscribe to NFL: http://j.mp/1L0bVBu Start your free trial of NFL Game Pass: https://www.nfl.com/gamepass?campaign=sp-nf-gd-ot-yt-3000342 Sign up for Fantasy Football!

Por meio de seu Twitter Oficial, o Seattle Seahawks publicou uma declaração a respeito do falecimento de seu ex-jogador:

Cortez Kennedy foi um pilar da franquia Seahawks desde que se juntou ao time como um ‘rookie’ em 1990. Tez foi o coração e a alma do Seahawks durante os anos 1990 e caiu nas graças dos ‘12s’ em todo o Noroeste Pacífico como um jogador de abordagem altruísta e implacável em relação ao jogo.

Tez foi Defensive Player do ano, Pro Football Hall of Famer, Embaixador do Seahawks, porém mais do que suas realizações no campo, ele foi um filho leal, pai, colega de time e amigo para muitos, tendo uma personalidade maior que a vida e um sorriso contagiante.

Nós estendemos nossos pensamentos mais calorosos e orações a seus pais, Ruby e Joe Harris, sua filha Courtney e a toda família, nessa triste perda de um Seahawks. Estamos orgulhosos de termos sido representados por uma pessoa tão especial”.

(Fonte: NFL.com, Pro Football Hall of Fame, The New York Time, Espn.com)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *