CONHEÇA ALGUNS JOGADORES ACIMA DOS 30 NA AFC EAST

CONHEÇA ALGUNS JOGADORES ACIMA DOS 30 NA AFC EAST

A NFL é uma liga onde os jogadores tem uma carreira relativamente curta se compararmos com outros esportes ou até fora do mundo esportivo, o que não quer dizer que não há exceções. Todo time tem jogadores acima de 30 anos com excelente condição física e prontos para passar sua experiência para os mais jovens. Na AFC East isso não é diferente, tem até um que já ganhou alguns anéis.

New England Patriots – Tom Brady (39 anos)

Quem diria que o quarterback da Universidade de Michigan, draftado na 199ª escolha do draft de 2000 pelo New England Patriots, seria considerado o melhor de todos o tempos? Estreou apenas na sua segunda temporada quando entrou no lugar de Drew Bledsoe que se lesionou, levando o Patriots ao Super Bowl e vencendo. Conquistou 2 Super Bowls seguidos em 2003 e 2004, quando estabeleceu o recorde de 21 vitórias consecutivas, incluindo playoffs.

 Tom Brady vem mantendo o Patriots como o time a ser derrotada na NFL,  sem nenhuma campanha negativa. Nem mesmo as 2 derrotas para o New York Giants no Super Bowl e uma lesão no joelho abalaram a carreira do pupilo de Bill Belichick, que depois desses acontecimentos ganhou um “Comeback Player of the Year” e mais 3 Super Bowls. Deflategate e suspensão de 4 jogos? Só um incentivo para ganhar 11 jogos dos 12 que lhe deixaram participar na temporada regular, vencer de virada a maior diferença da história do Super Bowl e receber o Vince Lombardi mais uma vez. 

Recordes, ele tem vários, de líder de touchdowns e jardas de passe a único jogador e quarterback a ter os 5 títulos por um único time. Ao lado de Joe Montana é o único jogador da história da NFL a vencer múltiplos prêmios de MVP da temporada e do Super Bowl. Tom Brady já faz parte do time da década de 2000 e não duvidem que ele fará parte do time desta década. 

Os contratos com empresas como Under Armour e Intel são importantes, mas o mais importante é o “contrato” que ele tem com Gisele Bundchen e seus 3 filhos, sempre com declarações de amor, fotos e brincadeiras nas redes sociais. Tom Brady não é só o “GOAT” dentro de campo, também é o GOAT da sua família.

Outros jogadores 30+: Julian Edelman (Wide Receiver, 31 anos), Danny Amendola (Wide Receiver, 31 anos)

Buffalo Bills – Lorenzo Alexander (34 anos)

Quando saiu da Universidade da Califórnia em 2005, o linebacker não foi draftado mas assinou como free agent não draftado com o Carolina Panthers, passando também pelo Baltimore Ravens onde ficou no practice squad nos 2 times, bem como no Washington Redskins onde teve a oportunidade de ser titular. 

Jogou em diversas posições nos 3 setores do time (ataque, defesa e times especiais) até se fixar como linebacker em 2010. Quando virou free agent em 2013, foi para o Arizona Cardinals mas uma fratura no pé o levou para a injury reserve e teve a dispensa como consequência. Depois de um ano no Oakland Raiders, foi contratado pelo Buffalo Bills.

Foi no Bills que Lorenzo Alexander se destacou, teve uma sequência de 7 jogos anotando 9 sacks no total que empataram com o total de sacks anotados que ele tinha acumulado na última década. Também anotou sua primeira interceptação contra o Pittsburgh Steelers. Em março deste ano, o Buffalo Bills estendeu seu contrato por 2 anos pelo valor de US$ 9 milhões.

Foi nomeado 2 vezes para o Pro Bowl (2012 e 2016) e entrou para o segundo time All-Pro em 2016 além de ter sido eleito o MVP defensivo do Pro Bowl 2016. Seu trabalho com a ACES Foundation, tentando melhorar a vida de jovens de comunidades de baixa renda por meio da educação, já lhe rendeu 2 indicações ao Walter Payton Man of the Year Award.

Outros jogadores 30+: Colt Anderson (Safety, 31 anos), Stephen Hauschka (Kicker, 31 anos), Richie Incognito (Guard, 33 anos), Mike Tolbert (Fullback, 31 anos), Kyle Williams (Defensive Tackle, 34 anos), Eric Wood (Center, 31 anos).

Miami Dolphins – Cameron Wake (35 anos) 

Depois de sair da Penn State e não ser draftado em 2005, o DE ficou 2 anos fora dos campos de futebol americano e trabalhou como instrutor de uma academia, até que resolveu tentar a sorte na CFL (liga canadense), onde foi calouro do ano e 2 vezes jogador defensivo do ano. Voltou a tentar a NFL treinando com vários times e foi finalmente contratado pelo Miami Dolphins, onde está até hoje.

Em 2015, Cameron Wake sofreu  lesão no tendão calcâneo que quase encerrou sua carreira, mas voltou em 2016 para ajudar o Dolphins a voltar aos playoffs com seus 11,5 sacks, se tornando o 3º jogador acima dos 34 anos a anotar 10 ou mais sacks numa temporada na história da liga. Esse excelente desempenho trouxe bons frutos como a sua 5ª indicação ao Pro Bowl, a 62ª posição no Top 100 Players da NFL e uma extensão de contrato de 2 anos por US$ 19 milhões, sendo US$ 11 milhões garantidos.

Ao final do minicamp do Dolphins em junho deste ano, ao ser perguntado se ele ainda tem muito mais para provar depois do último ano, Wake respondeu que não, que ele olha para dentro de si mesmo e os objetivos são voltados a ele, quanto a provar aos outros, ele não está dando a mínima. 

Outros jogadores 30+: Jermon Bushrod (Guard/Tackle, 32 anos), John Denney (Long Snapper, 38 anos), Anthony Fasano (Tight End, 33 anos), William Hayes (Defensive End, 32 anos), Matt Moore (Quarterback, 32 anos), Kraig Urbik (Center/Guard, 31 anos)

New York Jets – Matt Forté (31 anos )

 

Matt Forté foi running back da Universidade de Tulane e draftado pelo Chicago Bears na 2ª rodada do draft de 2008. Se estabeleceu como uma ameaça dupla (ganha jardas tanto correndo quanto recebendo) e virou titular na temporada de calouro, após o titular da posição ter problemas com a justiça, e já no seu primeiro jogo, correu para um touchdown de 50 jardas que deu a vitória ao Bears. Durante o ano liderou os running backs calouros em jardas totais e recepções. 

Ao longo de sua carreira quebrou vários recordes da franquia e se estabeleceu como o único jogador a ter 700 jardas de corrida e 400 jardas de recepção nas 4 primeiras temporadas, além de Herschel Walker, é o único jogador da história da NFL a ter pelo menos 900 jardas de corrida e 400 jardas de recepção.

Em 2012 não aceitou a Franchise Tag e viu o Chicago Bears trazer um substituto para a sua posição, mas mesmo assim conseguiu um contrato de 4 anos e US$ 32 milhões. Lesionou o tornozelo e ficou fora por semanas. De 2013 a 2015 teve bons números, se tornando o 3º maior corredor da história com 5.072 jardas e o 18º jogador a ter 1000 jardas de scrimmage em cada uma das 6 primeiras temporadas. Forté se tornou free agent em 2016 e acabou contratado pelo New York Jets, mas assim como o time, não teve um ano tão bom, que rendeu os menores números de sua carreira. O RB nem terminou a temporada pois foi colocado na injury reserve após uma lesão no joelho.

Outros jogadores 30+: Josh McCown (Quarterback, 37 anos), Steve McLendon (Defensive Lineman, 31), Tanner Purdum (Long Snapper, 32)

<3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *